Secretário Nacional da Pesca ressalta reestruturação do setor

Levar o Brasil a ficar entre os cinco maiores produtores de pescados no mundo. Este é o principal objetivo do atual Secretário Nacional de Aquicultura e Pesca – Jorge Seif Júnior – para o setor de aquicultura nos próximos anos. O plano foi revelado durante a cerimônia de abertura da maior feira do setor do país, a Aquishow, realizada em Santa Fé do Sul, interior de São Paulo.

Atualmente, o Brasil ocupa apenas o 13° lugar no mundo entre os maiores produtores de pescados, mesmo sendo o país que dispõe de maior quantidade de recursos hídricos no planeta e contar com um extenso litoral. “Não é possível importarmos tanto peixe com tantas possibilidades de produzir o próprio pescado. É dinheiro e geração de empregos indo embora por falta de investimentos’, ressaltou o Secretário.

Durante o discurso, Jorge Seif afirmou ainda ter herdado uma secretaria com problemas. “Não tem fórmula mágica, pegamos uma estrutura que precisou ser reestruturada do zero”. Entre os principais entraves que o Secretário classifica como dificultadores ao desenvolvimento do setor, estão a falta de apoio do poder público ao longo de duas décadas e a demora na liberação de licenças ambientais. “São comuns casos em que o produtor está há mais de 10 anos aguardando uma licença”, completou o Secretário.

Outro assunto com grande repercussão no primeiro dia do evento, foi o decreto assinado pelo Governador João Dória, que não inclui atividades da psicultura na isenção do ICMS – Imposto sobre circulação de mercadorias e serviços – na compra de insumos para a produção de pescados. “O estado de São Paulo tem que decidir se quer ser produtor ou apenas comprador, se quiser produzir, tem que facilitar. Senão, cabe a nós da cadeia produtiva procurar outros estados para trabalhar e ganhar dinheiro apenas vendendo para cá. O Poder Publico tem que fazer a parte dele, e nós a nossa”, afirmou Emerson Esteves, Presidente da Peixe SP, associação que organiza o evento.

Além disso, a extinção da CATI – Coordenadoria de Assistência Integral, pelo atual governo estadual, foi lembrado com tristeza pelo presidente, “é um patrimônio do povo e da agricultura paulista, não podemos perder quem sempre nos ajudou”, completa Emerson.

Realizada em Santa Fé do Sul, interior de São Paulo, cidade que está entre as maiores produtoras de tilápias do país, a Aquishow 2019 segue até sexta-feira, dia 17 e conta com uma programação especial de cursos de atualização e formação, além de premiações para os destaque do setor no país, como o “Prêmio Inovação Aquícola”.